Escavadeira Link-Belt é usada em operação inovadora de escoramento em escavações no Chile

Escavadeira Link-Belt é usada em operação inovadora de escoramento em escavações no Chile

A versatilidade do equipamento permite atuar em diversas condições sem comprometer o desempenho

Versatilidade é uma característica que define bem o modelo de escavadeira 250X3E de 25 toneladas da Link-Belt. Ele é projetado para atender, por exemplo, demandas de obras de terraplanagem, mineradoras, carregamento em pedreiras, sempre com foco na produtividade. Tem baixo consumo de combustível, durabilidade e segurança. O equipamento também pode ser utilizado em conjunto com acessórios como rompedores hidráulicos, martelos e tesouras. No Chile, está sendo usado em operação inovadora de escoramento em escavações.

De olho nessa versatilidade, a empresa chilena Sociedad Constructora e Inversiones Soil LTDA. adquiriu há 2 anos, através do distribuidor LucasMaq, uma máquina modelo 250X3E, especialmente adaptada, que vem sendo muito utilizada em todos os projetos da companhia.

Segundo o engenheiro civil industrial Diego Illanes Ramírez, a empresa é especializada em escavações profundas em áreas urbanas e moldes temporários para acomodar a estrutura subterrânea de edifícios de grande porte e a escavadeira é equipada com um acessório especial para perfis de condução, que são elementos de sustentação do escoramento.

O engenheiro explica que o diferencial da metodologia é o processo de execução, que utiliza um sistema vibro-drive (condução vibratória) de alta frequência. A técnica permite a fácil inserção de uma viga H e também facilita a sua remoção sem dificuldade, o que garante segurança durante o processo, além da recuperação do perfil utilizado.

Isso significa que é possível reutilizar vigas em futuros projetos de escoramento de forma altamente eficaz – o que, por sua vez, reduz significativamente os custos.

Para implementar essa metodologia inovadora é necessário o equipamento adequado, que permite não só realizar escavações profundas e escoramento temporário com segurança e eficiência, mas também de forma economicamente responsável e sustentável a longo prazo para os clientes.

“A escavadeira Link-Belt 250X3E tem nos permitido realizar projetos mesmo em espaços reduzidos, sem comprometer a sua capacidade ou potência de trabalho. Estamos impressionados com o seu desempenho excepcional em diversas condições e confiantes de que este equipamento continuará a ser uma ferramenta valiosa para nossos projetos futuros”, reforça Diego.

Sobre o modelo 250X3E

Segundo o gerente de suporte ao cliente para América Latina da Link-Belt, Rafael Antonio, a escavadeira 250X3E é um equipamento que possui um chassi inferior padrão em “X”, de carro longo, com uma estrutura extremamente reforçada proporcionando trabalhos com maior estabilidade e segurança. O modelo tem 3 configurações de tamanho de braço (3 metros, 2,5 metros e 3,5 metros), o que resulta em vantagens como versatilidade e acessibilidade.

Na configuração com braços curtos, o equipamento permite mais agilidade e precisão em espaços limitados, enquanto na configuração com braços mais longos, é ideal para trabalhos de escavação. São características que trazem ao equipamento uma ótima eficiência operacional, pois a escolha do braço de acordo com a aplicação reduz o tempo necessário para a conclusão da atividade.

Apesar do peso operacional de 25 toneladas, a dimensão do modelo 250X3E permite ainda alta acessibilidade, tornando possível o trabalho em áreas urbanas e de construção, onde a questão de espaço é algo importante a ser analisado e considerado. “Esse conjunto de características da escavadeira 250X3E aumenta a flexibilidade e a capacidade de adaptação do equipamento em diversas situações de trabalho”, reforça Rafael.

O engenheiro Diego Illanes Ramírez destaca também a potência, a precisão e a eficiência de combustível do equipamento, além do avançado sistema de telemetria, que dá acesso a informações detalhadas sobre operação e manutenção ao longo de toda a vida útil da máquina.

No Chile, todos os modelos da série X3E passaram ainda por um processo para atender as necessidades específicas do mercado no país, a fim de garantir a alta performance em ambientes com temperatura elevada e umidade.

Sobre a LBX Company

A matriz da LBX está localizada em Lexington, no Estado do Kentucky (EUA) e suas origens datam de 1874. A marca é sinônimo de equipamentos inovadores para as indústrias florestal, reciclagem, demolição e de manuseio de materiais.

Atua nas Américas, de Norte a Sul, atendendo a uma base de clientes leais em parceria a uma forte rede de distribuidores. Por intermédio dos distribuidores, são fornecidos treinamentos, peças, serviços e suporte técnico para os proprietários de equipamentos Link-Belt.

Sobre a Link-Belt Latin America

As escavadeiras Link-Belt® chegaram na América Latina em 2004, mas ganharam ainda mais espaço no mercado latino-americano a partir de 2012, quando a LBX do Brasil, subsidiária da americana Link-Belt Excavator Company, empresa do grupo japonês

Sumitomo, se estabeleceu na cidade de Sorocaba (SP). Desde então, os equipamentos têm aliado a tradição da marca americana de quase 150 anos de história com a tecnologia e qualidade consagradas da indústria japonesa.